quarta-feira, 13 de maio de 2009

O TRAIL E O TREINO

Aí está no terreno o desenrolar do nó a que meti ombros, kms e mais kms, já passo por eles e quase não dou conta, hoje foram 27 com o tempo de 2,45h. Fui lento porque o traçado é duro com subidas e descidas com bastante inclinação, nomeadamente os últimos 3 kms que são sempre a subir.
Isto visto do ar até é bonito, ali com o rio Tejo mesmo ao lado (parece), o pior é lá em baixo, na ida apanhei a Nacional 10 até ao Sobralinho em plena hora de ponta (manhã) com a poluição dos veículos a tornar-se quase insuportável. O regresso já foi pelo interior, tendo terminado no local onde comecei: Parque Urbano de Santa Iria.
Terei de procurar outras opções de percurso para o que ainda me espera, e não é pouco.
Tudo isto porque dicidi quebrar a rotina e avançar para outros desafios (eu já devia ter juizo), pelo menos é o que os rapazes me têm dito, e eu até estou de acordo com eles, mas já não posso evitar e a verdade é que também não quero.
A Meia-Maratona da Areia é já dia 24 de Maio e o Trail Melides/Tróia na distância de 43kms também se aproxima: 26 de Julho.
Apesar de já ter feito 4 Maratonas, a última à 15 anos, é uma sensação muito estranha a mentalização que tenho de incutir para conseguir ultrapassar isto, e já vou no 6º treino acima da 1,45h. O próximo é para a Semana e terá a duração de 3 horas, 5 dias antes da Meia-Maratona. É uma questão de disciplina.
Clicando na fóto ela aumenta.

19 comentários:

BritoRunner disse...

Pois é Adelino, quem se mete neles depois tem de aguentar...rssssss.
Nesse calendário do trail falta a Geira Romana a 14 de Junho, são 45,1kms de corrida dentro do Parque Nacional Peneda Gerês.
Eu sei que o percurso não é em areia..rssss, mas correr numa Via Romana com uma bela paisagem de fundo é como recuar no tempo.
Eu já estou inscrito.

JCBrito

MPaiva disse...

Joaquim,

Treinar nas bermas das estradas é, realmente, muito desagradável. Para além da poluição, preocupa-me muito a falta de segurança, pois ainda há muitos condutores que não mostram o devido respeito pelo esforço de quem tem necessidade de fazer treinos longos e, à falta de melhores alternativas, acaba por ter de usar as estradas para correr.
Quero deixar-lhe um forte abraço de incentivo para os treinos que tem pela frente, pois o programa de actividades é muito intenso mas, estou certo, estimulante!

abraço
MPaiva

luis mota disse...

Olá Joaquim!
Pois é Amigo, quem se mete nelas é que sabe.
É pena não ter uns percursos com menos poluição para o motivar ainda mais.
Aí a rapaziada não vai tardar a seguir o Joaquim nos treinos longos.
Forte abraço e boa prova na Costa da Caparica.
Luís Mota

José Alberto disse...

Amigo Joaquim,

Força para esses treinos que aí vêm.

"Para ver a Maomé é preciso subir à montanha". Para grandes desafios grandes vontades. Se a vontade lhe surgiu, é porque algo dentro de si lhe mostrou que tem força para tal.

Continue e vai ver que no "dia do juízo final" vai sentir-se recompensado.

Abraço

José Alberto

Carlos Lopes disse...

Olá Joaquim

Ainda não cai nas maratonas, mas o bicho mora por cá. Que belo treino esse que fez, muito duro mesmo.. boa semana

ana paula pinto disse...

Desejo bons treinos para essa "aventura" na areia. O calor deve ser o pior inimigo.

Um beijinho
paula

Ricardo Francisco disse...

Amigo Joaquim...

Belo treino. Ainda não me esqueci da promessa de ainda fazermos um treino juntos e agora que tá a fazer uns «longos» óptimo.
Também tá nos meus planos fazer a meia da areia ! Vai ser concerteza agradável e não massacra tanto as pernas...

Forte abraço e encontramo-nos por lá...

Mário Lima disse...

Olá Adelino

Não é por nada, mas se puder estar nessas duas tuas provas estarei lá.

É que tanto sacrificio merece a presença dos amigos, para te incentivar, para que nesse dia sintas que não estás só (embora com muitos corredores à tua volta).

Eu quando corri as maratonas pensei que "morria" quanto mais uma ultramaratona.

:)

Por mero acaso apanhei uma vez na Costa a Meia-Maratona. Só quando vi a Umbelina é que perguntei: O que é isto? Foi quando soube que era a Meia da Areia. Eu ali a torrar ao sol e a malta a correr.

:)

Então bons treinos, realmente a correr ao sabor dos tubos de escape não é uma boa oxigenação, e irei acompanhar-te nos teus longos treinos... Sentado!

:)

Um abraço

(o meu blogue já está no "ar")

JOSÉ NARCISO disse...

Força Joaquim!!!
Bons treinos e muita sorte para a Costa da Caparica.
1 abraço
José Narciso

Mark Velhote disse...

Olá Joaquim

Com essa perseverança a Meia da Areia está no papo!
Grande Abraço e Bons Treinos!

Fernando Andrade. disse...

Grande Adelino
Vais no bom caminho. Mas atenção à recuperação entre as sessões !!! É que na nossa idade isso é muito importante. Não é por causa disso que "o pára pára",eheh.
Grande abraço

e obrigado pelas felicitações enviadas pela minha "última façanha".

Anónimo disse...

Amigo Joaquim
já não tem idade para fazer o que não quer, por isso força nessas aventuars que se avizinham.
Abraço,
António Almeida

João Meixedo disse...

Isso é que é força de vontade e, ainda por cima, pelo que percebo, a treinar sozinho.
Grande abraço

Mário Lima disse...

Olá Adelino

Só uma rectificação.

Estive a ler o teu blogue e reparei que dizias que a prova na Costa da Caparica era a 1ª Meia Maratona da Areia que se iria efectuar. Se era a 1ª não podia ser a prova que vi.

Consultada a net verifiquei que a prova que se realiza todos os anos no areal da Costa são os 14km do «Corre praia», organizada pelo "Clube de Campismo de Almada" no mês de Abril/Maio não tendo uma data precisa pois tem a ver com as marés para que os corredores não corram com a maré cheia.

A Umbelina deve-me ter referido isso só que com o barulho das ondas não percebi que corrida era aquela pensando que se tratava da Meia que afinal não é.

:)

Aqui fica a rectificação!!!

Abraço

rustman disse...

Isto sim é treino de ultramaratonista, no entanto o meu conselho é que se quer ir forte na meia, 5 dias é pouco para recuperar de um treino de três horas (se calhar era melhor fazer 90´, dois dias seguidos...), mas quando o "cabedal" é de boa qualidade... aguenta tudo!

joaquim adelino disse...

Olá amigos.
Obrigado a todos os que deixaram aqui palavras de incentivo e apoio à empreitada a que meti ombros, braços, pernas, enfim a tudo, pois é assim a sensação quando termino cada sessão, cada membro cumpriu e bem (por enquanto) o seu papel.

Sem menosprezar ninguém e desculpem-me por isso, faço apenas duas referências:

Amigo Fernando, vamos ser companheiros nestas duas aventuras e a sua experiência vale ouro, daí eu estar muito atento ás dicas que vai deixando e aos conselhos muito oportunos que para mim nesta altura são cruciais.
Os treinos longos estou a fazê-los ás Terças feiras de manhã e nos outros dias vou fazendo a recuperação activa até ao fim de Semana seguinte, onde geralmente tenho prova. e assim sucessivamente. É este o método que estou a seguir com o aumento da carga (+- 15m) até ao dia 10 de Julho. Há falta de melhor, este foi o que me ocorreu.
Abraço

Amigo Pedro (Rustman)
Obrigado pelos conselhos, vindo daí são um grande contributo, contudo devo dizer, em abono da verdade, que a Meia Maratona da Areia dia 24/5 na Costa da Caparica não vai ter da minha parte qualquer intuito competitivo, exactamente para não prejudicar o treino para o Trail.

A poucos dias da Ultra Maratona de Ronda (101 kms) desejo que lhe corra tudo bem e faço sinceros vótos que se divirta e que a corrida lhe permita realizar as suas aspirações, chegar ao fim e cortar a meta sem mazelas de maior. Porque sempre vai haver algumas, não é?
Um abraço.

runningirl disse...

Adelino

estou orgulhosa de você! que atleta você é!!! estou certa que fará excelente provas. De cá vou estar torcendo por você e te incentivando nos treinos. Amigo, corremos porque gostamos mais isto não nos tira os méritos não é verdade? treinar para uma maratona não é nada fácil, uma ultramaratona mais dificil ainda.

Bons treinos e uma abraço imenso.

Beijos
Sandra

Ricardo Baptista disse...

Amigo Joaquim,
Esse treino de 27Km foi a bom ritmo, mais ou menos o ritmo que eu faço nesses longões. Uma coisa que tem resultado muito bem comigo é, em vez de fazer um unico longão por semana, faço dois treinos dias seguidos de 1h30m/2h. O cansaço não é tão grande e parece-me que é muito mais eficaz. Mas nem todas as pessoas são iguais e o que resulta comigo pode não resultar consigo.
Um abraço e continuação de bons treinos.

Duarte Gregório disse...

boas,
a sua ultima frase diz quase tudo "é tudo uma questão de disciplina"
continuação de bons treinos
abraço