segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

1º Encontro de bloguistas em Tomar-14 de Dezembro de 2008

Ao acordar ás 4 horas da Manhã com a chuva a bater nos estores verifiquei logo que o dia ia ser cinzentão e que iria criar dificuldades a quem se atrevesse e tivesse necessidade de andar na rua, mas depressa pensei que isto era passageiro e que o S. Pedro ia estar conosco.
Puro engano, desde a saída de Santa Iria da Azóia até chegar a Tomar à distância de 1,30h. a chuva não parou de cair, com pequenas abertas mas que não dava descanso ao limpa pára-brisas do carro. Mas foi uma viagem tranquila que permitiu chegar dentro do horário "imposto" pela organização do 1º Encontro Bloguer de Atletismo.
Quando chegámos a Tomar, eu a Susana e o Daniel logo procurámos uma pastelaria para tomar um café bem quentinho pois o frio era muito intenso, logo ali visionámos acima das nossas cabeças o Castelo, a parte mais alta de Tomar que era o ponto referência para o encontro dos Blogueiros e foi para lá que nos dirigimos tendo encontrado de imediato o local indicado. Chovia intensamente mas ainda deu para ver o funcionário a abrir os portões enormes do Castelo que permitiria a entrada dos visitantes áquele maravilhoso monumento, eram 9 horas da manhâ.
Como estávamos sózinhos na praça em frente ao Castelo resolvemos sair por alguns momentos, a chuva aqui e ali ainda dava algumas tréguas, e aproveitamos para ir tirando algumas fótos à Cidade, ao Castelo e também ao Convento dos Templários que fica no seu interior.
Como continuavamos sózinhos voltámos à Praça, já com bastante chuva a fustigar-nos, e recolhemo-nos no carro. Esperamos mais um pouco e de repente apareceu o Luí Mota e a sua simpática família. Mesmo com aquele temporal teve coragem de sair do carro sem chapéu para nos comprimentar, mas depressa fugiu e logo se refugiou novamente, abriu de seguida uma nesgazinha da janela do vidro e justificou o atraso,(não era preciso), tinham estado a preparar um cházinho bem quente para quando chegássemos, tomarmos e acompanhado de bolos para fazer frente ao frio que também estava bem presente.
A partir daí começaram a chegar os outros participantes, o Ricardo, o Brito e família, o António Almeida e a família, o Mário Paiva e a família, e o Marco Paiva. Mas faltava ainda ali alguém que nos podia dar uma ajuda a combater o frio, a Maria sem frio, mas logo percebi que tinha de resolver o problema sózinho. (Soube depois que comunicara que não podia vir).
E local para tomar o chá? À boa vontade do Luís Mota contrapunha-se o temporal que nem o nariz estava autorizado a sair para o exterior dos carros. Deslocámo-nos então para debaixo de um alpendre da Junta de Turismo e foi aí que começámos então a aquecer o nosso estômago com o chá e os bolos que o Luís e a esposa tão carinhosamente tinham preparado para nós, adicionei também ali um bolo rei que tinha trazido comigo . Os corações, esses já estavam bem quentinhos com a chegada e com a confraternização que se estava a estabelecer.
O Luís bem nos queria levar para a sua casa, mas o protocolo impedía-nos de perder mais tempo e o atraso para o programa traçado começava a acentuar-se, era notória a sua preocupação mas estávamos todos embebidos do mesmo objectivo, este dia era nosso e nem o temporal iria estragar os nossos planos.
O Pavilhão Municipal, cedido gentilmente pelo Município, serviu de base de apoio para o treino
que se iria seguir, estávamos então com um atraso de meia hora, coisa sem importãncia, mas sabíamos que este facto iria certamente fazer atrasar a hora de almoço e não podíamos estar só a pensar em nós pois nossos acompanhantes e principalmente as crianças estavam ali.
Devido à chuva e ao frio que continuava, a caminhada ficou inviabilizada logo ali, mas o treino dos restantes: eu, Susana, Daniel, Luis, Mariana, Paiva, Ricardo, Brito, mesmo a coxear, Otília, Marco, António teve início de imediato com a preocupação de que havia alguns de nós com treinos mais curtos e moderados. O Luís serviu de guia turístico e durante a primeira parte do treino teve o cuidado de nos mostrar quase tudo do que é mais bonito em Tomar, até nos levou a passar pela mata dos 7 montes, local muito bonito, mas já um pouco degradado em alguns locais, subimos, subimos e obviamente tivemos de descer, mas aqui foi o cabo dos trabalhos, a inclinação e o piso escorregadio dificultou-nos a tarefa mas conseguímos sair dali sem nenhum arranhão e com a certeza de que aquele local é excelente e seguro para a prática da corrida, seguimos depois pela Cidade percorrendo algumas das suas ruas até chegarmos à pereferia norte, pois o Luis Mota queria mostrar-nos também onde costuma fazer os seus Safaris, secundado pelo Brito que em tempos também era cliente assíduo daquele local, eram uns trilhos muito bonitos mesmo junto ao rio que banha Tomar, entre arvoredos onde por vezes só podia passar um de cada vez, o piso era um pouco escorregadio tendo havido apenas um pequeno acidente com o António mas sem qualquer consequência, nisto chegámos até ao açude, local muito bonito onde retornámos a Tomar agora por um caminho mais "civilizado" e com algumas inclinações que me iam criando algumas dificuldades. Dificuldades que não eram para todos, parecia-me, a Mariana com apenas 12 anos, teve autorização do pai Luís para acompanhar os amigos porque sabia que ela dava bem conta do recado, também era uma vez sem exemplo, e se deu, guiou -nos a maior parte deste percurso e mostrou que com calma e com treino também há-de ir longe, quando chegámos a Tomar foi altura do abastecimento surpresa,oferecido pela Sport Zone de Tomar,proporciondo pelo Luís junto à sua casa que envolveu água e barras energéticas que vieram repôr um pouco de energia para enfrentar a segunda parte do treino, pouco depois tínhamos uma hora de treino, altura em que a Mariana, a Otília e o Brito cuncluíram o seu treino, o Marco concluiria pouco depois. Os restantes: eu, Luis, Paiva, António, Ricardo, Susana e o Daniel continuámos até perfazer a 1,30h. Para mim foi "divertido" acompanhá-los naquela fase do treino, ao princípio ainda tiveram respeito cá pelo vélhinho mas depois depressa começaram perdê-lo, valeu-me o Luís Mota que simpaticamente ficou comigo, também ele a queixar-se já de algum desgaste num dos pés motivado provavelmente com algum excesso de carga, Lembram-se do burro?, na frente do treino e após o retorno o Paiva dava cartas mas o grupo manteve-se unido até quase à chegada ao Pavilhâo, onde me surpreendeu pela positiva ou talvez não, a grande condição física do António, os restantes cumpriram confome era sua obrigação. Eu e o Luís chegámos pouco depois, eu a cortar caminho e o Luis a trazer o pé dorido quase à mão, o António ainda esboçou uma tentativa de reboque comigo antes da chegada, para devolver o gesto da Maratona, mas não teve tempo, fica para a próxima.
Após o banho retemperador fomos almoçar e mais uma vez atravessámos a zona histórica de Tomar a pé, deixando as viaturas para trás e poupando a Cidade a mais poluição, embora esta não seja ainda muito afectada por este problema. A meio do caminho ainda vejo o Luís a carregar com algum esforço uma caixa de sapatos em cima dos dois braços, ainda lhe perguntei se era pesado e ele respondeu que sim, então eu disisti de lhe dar ajuda. Pouco depois atravessámos a Praça do Município onde está instalada a Cãmara Municipal e também o Restaurante que já aguardava por nós ácerca de meia hora, eram 13.30h.
Durante o Almoço, apesar da distribuição das mesas não permitirem maior proximidade entre todos, foi possível estabelecer diálogos bastante divertidos que contribuiram para o fortalecimento da amisade e respeito cuja origem é comum a todos, blogosfera e o mundo do atletismo. Ficou ali a vontade de todos em continuar esta iniciativa para o Ano cuja data deverá ser consensual, os presentes e os ausentes.
O almoço encerrou com a saudação aos participantes neste 1º Encontro de Blogs de Atletismo feito pelo Luís Mota, aproveitando para dar uma placa comemorativa do evento a cada participante oferecida e feita por Luís Rodrigo seu amigo e também praticante da corrida.
Na parte final o Luís Mota ainda nos quis ofertar um pequeno lanche na sua casa de Tomar, onde não faltou, o bolo e o chá. O Paiva quis deixar ali uma das suas medalhas ganhas na Maratona do Porto abrindo a garrafa de vinho do Porto conquistada, um gesto muito bonito numa ocasião muito especial.
Por último uma palavra para os filhos do Luís Mota, impecáveis pela simpatia e pela companhia que nos proporcionaram, que colminou com o concerto final, ele com a Flauta e ela com a guitarra.
Ao Luís, obrigado por nos ter acolhido e acompanhado aí nessa terra tão bonita que se chama Tomar.

22 comentários:

Fernando Andrade. disse...

Bravo, Adelino!
Parabéns pela fantástica descrição do evento. E eu, roidinho de"inveja" de não ter lá estado a "tomar a corrida" convosco.
Grande Abraço.
F.A.

luis mota disse...

Olá Joaquim!
Foi um dia muito agradável.
Agradeço ao Joaquim, à Susana e ao Daniel a presença.
Dias destes não irão faltar. Aproxima-se Sevilha e certamente será mais um belo momento de convívio.
Grande abraço,
Luís Mota

António Almeida disse...

Companheiro Joaquim
fantástico relato de um dia inesquecível.
Obrigado pela sua companhia (também da Susana e do Daniel)e pela partilha que a todos nos enriquecem.
Grande abraço e boa prova em "Sevilha".
António Almeida

BritoRunner disse...

Joaquim excelente narrativa do encontro de bloguistas é que não falta mesmo nada, adorei ler.
Adorei também ter estado com todos e mesmo coxo o treino foi bastante agradável (mesmo a parte de subir, subir, subir), no entanto a lesão não me afectou para a segunda parte do evento.
Tenho pena de não ir a Sevilha, espero que se divirtam e que o dia esteja mais agradável (sem chuva e frio)mas estarei presente na São Silvestre de Lisboa, mesmo coxo...
JCBrito

Carlos Lopes disse...

Ola nosso pára

Depois de ler, senti-me ao vosso lado, parabéns pelo relato.. um forte abraço

Jorge disse...

Meu amigo Joaquim obrigado pela msg, mais o Carlos tem levado cada puxão de orelha minha só vendo amigo. Bom meus parabéns pelo encontro do blogueiros corredores o relato ficou show e fico feliz por dar tudo certo amigo, Parabéns e que todos os anos esse encontro continuam.
Uma boa semana e um forte abraço,

JORGE CERQUEIRA

André Gomes disse...

Joaquim,

o blog não é exclusivo do Zé Magro aliás foi mesmo criado por mim mas o filho é meu.

O meu nome é André Gomes agradeço o seu cuidado e o seu comentário, aliás os seus comentários são sempre bem vindos!!!

Bem haja, boas festas e um óptimo Natal

André Gomes

P.S.: Com muita pena minha e do Zé não podemos estar presentes no encontro mas contamos estar no próximo e que seja por estas bandas!!!

Edgard Neto disse...

Olá Joaquim..
Obrigado pelo recado em meu blog..
agora preciso fazer igual voce e conhecer o pessoal dos blogs, fazer essas amizades virarem reais né...
e minha namorada nao corre, ainda, to dando força pra ela e acho que agora nas ferias vamos fazer umas corridas juntos... depois que ela sentir o gosto espero que fique como eu, que nao queira mais parar, hehehe
abraços

MPaiva disse...

Joaquim,
Foi um enorme prazer ter estado consigo e ter sentido, bem de perto, a forma calorosa e solidária como se relaciona com os seus amigos, entre os quais sinto o privilégio de ter entrado!
abraço
MPaiva

Maria Sem Frio Nem Casa disse...

Olá Joaquim Adelino. Tive bastante pena de não me ter sido possível participar (apesar de "inscrita").

Pelo que já li, foi um "Encontro" fantástico, como se já se esperava alíás.

Um beijinho e até um dia destes

Ana Pereira

Stéphanie Perrone disse...

oi!

tá rolando pelo mundo bloguístico o Prêmio Dardos. Cada blog indicado ao prêmio deve indicar outros blogs. Dai, o meu foi indicado e eu escolhi o teu também. Passa lá no meu blog e dá uma olhada, tá no post "Prêmio Dardos"

abraço
Stéphanie Perrone

João Meixedo disse...

Desafio-vos a organizar o "2º Encontro de Bloguistas / 1ª Corrida de Bloguistas"

Carlos Lopes disse...

Olá

Anda pelo mundo bloguístico o Prêmio Dardos. Cada blog indicado ao prêmio deve indicar outros blogs. Dai, o meu foi indicado e eu escolhi o teu também. Passa lá no meu blog e dá uma olhada, tá no post "Prêmio Dardos"

Triblog disse...

Tenho a honra de dizer que indiquei seu blog para o prêmio Dardos. Pena que estou tão longe que não pude ir ao evento!

Edgard Neto disse...

Olá..
Está tendo entre os blogueiroso premio dardos. Cada blog indicado ao prêmio deve indicar outros blogs. O meu foi indicado e eu escolhi o seu para indicar, entre em meu blog e veja mais detalhes de como seguir a premiação..
Abraços

Bruno Thomaz disse...

Adelino!
Inclui o Blog da Susana na lista!

Adicione meu blog ao seus amigos? É o Blog Correndo na Chuva. O seu já está entre os meus!

Abração

Carlos Lopes disse...

Meus amigos
O Natal não é a minha Festa. Uma questão semântica, ideológica, religiosa ou pura teimosia. Mas seja qual for a razão não invalida que eu não o use para dizer que ao menos nesta quadra eu me lembrei de ti, de si, do senhor ou da senhora. Não é uma mensagem que vai ao desbarato para todos os meus contactos. Vai mesmo um a um, porque é um a um que eu quero desejar todas as coisas boas que se deseja aos amigos. É um a um que eu abraço os meus amigos e lhes digo:
Bom Natal e Prospero Ano Novo

Carlos Lopes disse...

Meu querido amigo
Desejo um bom Natal, cheio de prendas e bacalhau. Que o ano de 2009 traga para si e família, muita saúde, e tudo que um homem pode pedir " felicidade" Boa Viagem ate Sevilha

Jorge disse...

Meu amigo Adelino, grato pela msg, bom que pena que isto acontece com os jovens ai, mais também aqui no Brasil não é muito diferente daí, aqui no Brasil não se investe em muitos atletas e que é uma pena, aqui também tem muitos corredores bons.
Bom amigo como são mais de 90 blogs para visitar e nem sempre dá tempo eu lhe desejo desde já a vc e sua familia um abençoado natal.

Um abraço,

JORGE CERQUEIRA
www.jmaratona.blogspot.com

Susana disse...

Pai!
Obrigada pelas tuas palavras,pois são de um incentivo enorme para mim, como sempre foram. Fico feliz pelo carinho que as pessoas aqui te deixam pelas suas mensagens, um obrigado a todos por isso. Parabéns pelo teu blogue, que nos tem vindo a conquistar a todos, o que não é suspresa para mim. O teu blogue já é todo popular, já é mais conhecido que os tremoços eheh que bom! Sabes que a tua companhia sempre foi e será importante para mim.Obrigada!
Um beijo da filhota

Ana disse...

Ola Joaquim...

obrigada pela visita no meu blog

Acabei comprando um tenis que eu acredito que irá atender bem minhas necessidades e c/ um preço razoável.

Por enquanto sou uma corredora pangaré e um tenis de elite não vai me fazer correr mais rápido, rs

Abçs

João Meixedo disse...

Olá amigo
Nomeio-te fiel depositário de um prémio que me pediram para guardar.

Mais pormenores lá no meu quiosque:

http://leoesdekantaoui.blogspot.com/2008/12/valeu-pena-subir-essa-duna.html

Abraço,
JP